EMPRÉSTIMO ENTRE PARTICULARES

CONSOLIDAÇÃO DE DÍVIDAS ENTRE PARTICULARES

REUNIFICAÇÃO DE DÍVIDAS ENTRE PARTICULARES

A consolidação de dividas entre particulares é definida como um agrupamento de créditos por um credor privado em benefício de um mutuário que deseja reduzir todo o seu financiamento numa única dívida.

A reunião de dividas entre particulares é muito eficaz quando um consumidor contraiu um monte de crédito e ele se vê pagando um monte de pagamentos mensais e os bancos se recusam a consolidar todas as suas dívidas em uma instalação.

A consolidação entre particulares de todas as dívidas tem a vantagem de consolidar todas as dívidas de uma pessoa, incluindo as facturas não pagas, reduzindo assim as taxas de juro, o que também reduzirá os reembolsos.

A reunião de dividas entre particulares servirá para estender o período de amortização do novo crédito consolidado e, assim, dar mais liquidez e dinheiro a um mutuário sobre-endividado.